Jovens fazem bate-papo com escritor Laurentino Gomes

17/11/2017 | Comunidade



Jovens fazem bate-papo com escritor Laurentino Gomes

Ele é o cara que resgatou a história da chegada da família real portuguesa, capitaneada por Dom João VI, ao Brasil no início do século 19. Um dos seus livros, ‘1808’, serviu de base para os participantes do projeto ‘Era uma vez… Brasil’ estruturarem seus trabalhos. A iniciativa, criada pela Origem Produções, conta com o patrocínio do Grupo Lwart por meio da Lei Rouanet. Os 15 alunos de escolas públicas de Lençóis Paulista e Macatuba, acompanhados de dois professores, reuniram-se no último dia 15 de novembro com o escritor e jornalista brasileiro Laurentino Gomes.

O lugar do encontro, Castelo de São Jorge, ergue-se em posição dominante sobre a mais alta colina do centro histórico de Lisboa, o que proporcionou aos estudantes, além do bom bate-papo, uma das mais belas vistas sobre a cidade e o estuário do Rio Tejo. A conversa com Laurentino girou em torno do projeto, as impressões dos alunos sobre Portugal e os livros assinados pelo escritor. Ele é autor dos livros “1808”, sobre a fuga da família real portuguesa para o Rio de Janeiro; “1822”, sobre a Independência do Brasil; “1889”, sobre a Proclamação da República, e “O caminho do peregrino” (em coautoria com Osmar Ludovico).

No período da tarde, o grupo foi recepcionado pelo prefeito de Lisboa, no Palácio dos Concelhos, para uma conversa com os estudantes sobre um programa de intercâmbio voltado a jovens que desejam estudar em Portugal.

Inovadora

O escritor Laurentino Gomes elogiou o projeto ‘Era uma vez… Brasil’ e acredita que a proposta é uma das mais inovadoras na área educacional do País. “Ela envolve profundamente as comunidades, as famílias, as escolas e as empresas. Atinge escolas públicas, nem sempre são contempladas por projetos no setor de educação, e a área de história, que infelizmente é considerada como ‘patinho feio’ na grade curricular brasileira”, opinou.

Para Laurentino, a história – enquanto matéria na grade curricular – é uma ferramenta de construção de identidade e de cidadania. “A melhor forma de transformamos o Brasil é olhando para o passado e ajudando essa garotada a entender quem nós somos hoje, que caminhos nós percorremos até aqui e o que podemos fazer para realizar o Brasil dos nossos sonhos do futuro”, diz.

Na sua avaliação o projeto é importante não só pelo fato dele resultar em uma premiação concreta para estudantes e professores que vieram para Portugal, mas também pela forma diferenciada de participação dos demais alunos e docentes que não puderam viajar a Lisboa. “De minha parte, foi um privilégio participar”, finalizou.

O projeto

O projeto ‘Era Uma Vez… Brasil’ foi criado pela Origem Produções com patrocínio do Grupo Lwart, Grupo Estácio, RTE Rodonaves, Tivoli Eco Resort e Baterias Moura, por meio da Lei Rouanet, para valorizar a importância da disciplina de História nas escolas públicas brasileiras.

A relação histórica entre Brasil e Portugal é o foco das atividades que são aplicadas aos jovens que cursam o 8º ano do Ensino Fundamental II e aos docentes de escolas públicas das cidades de Salvador (BA), Mata de São João (BA), Lençóis Paulista (SP), Macatuba (SP) e Belo Jardim (PE). Os melhores colocados foram premiados com o intercâmbio a Portugal.

Acompanhe toda trajetória no Blog do Projeto.




COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Required fields are marked * *

*

doze − sete =